sexta-feira, 20 de julho de 2012

***Acidente com vitima fatal na Avenida Pauzanes de Carvalho***




O acidente ocorreu por volta das 05h40 de hoje (20), e tirouo a vida de Violeta Proto Martins de 44 anos na Avenida Pauzanes de Carvalho. Segundo informações de testemunhas,a vitima tinha ido buscar seu filho Guilherme Proto Martins de 19 anos e uma amiga, Sara Martins do Valle de 20 anos, no parque de exposições. No entanto, quando ela descia a Rua 72, com a Avenida Pauzanes de Carvalho em um gol branco placa OGN 2046, com o sinal verde a seu favor,  foi colhida por um veículo Gol,  também de cor branca,  placa NCE 4762, conduzido por André Alves Rodrigues 18 anos,  que estava a aproximadamente 130 KM/h, tanto é que a frenagem do carro conduzido pelo jovem, chegou a 38 metros.
No veículo conduzido por Violeta  Proto, estava seu filho Guilherme Proto Martins de 20 anos que foi conduzido à UPA, recebeu atendimento médico e já foi liberado. Sara Martins do Valle de 19 anos que foi conduzida com Traumatismo Craniano ao Hospital de Urgencias de Santa Helena, mas seu estado é estável e evolui para melhoras.
Com o jovem André Alves, estavam outros dois colegas que não foram identificados.
O condutor do veiculo Gol que provocou a colisão, André  Alves, se recusou a fazer o teste de alcoolemia.

5 comentários:

Jadir Carvalho disse...

Por causa de pessoas IDIOTAS como esse ANDRÉ ALVES é que pessoas "de bem" perdem a vida como a Sra. Violeta. E sabem o que vai acontecer??? NADA. Graças a essas leis frouxas que temos nesse paisinho de MERDA... Logo estaremos cruzando com esse BOSSAL pelas ruas e os familiares da vítima estarão de luto por uma perda brutal como essa. LAMENTÁVEL....

Dani disse...

concordo!!!!!que Deus a tena e suas maos...

AntiFé disse...

https://www.facebook.com/andre.rodrigues.50309

Face da criança!!!

Maria Aparecida disse...

Palavriado muito pesado desse Sr. Jadir, não temos poder nenhum pra julgar ninguém, isso cabe somente a DEUS, pois nada acontece sem a permissão dele.

NO CORAÇÃO DO BRASIL disse...

Lamentavelmente isso acontece, a culpa não é só do jovem que deixou de obedecer um ordem, mas o fato do governo apoiar a venda de bebidas alcoólica de maneira descriminada. As leis do Brasil infelizmente não são respeitadas. Se não respeitam alguém acaba pagando por isso e com a própria vida. Lamentável o jovem não ter feito o teste.